Joe Cocker: *1944 +2014

joecocker_woodstock_003

Joe Cocker morreu. Li assim a notícia. Crua, chamada de matéria, uma frase sem ponto. Ontem, aqui mesmo, celebrava Madeleine Peyroux. Hoje, olho a foto acima do mítico Woodstock e aperta o coração. As perdas de 2014 a cada dia aumentam. Crescem de forma assustadora. E cada uma delas é uma tragédia. Pessoal e coletiva. A civilização parece estar se esfarelando diante dos nossos olhos e o que antes afirmávamos “os sonhos não envelhecem”, do Márcio Borges, está perdendo para a dura realidade do cotidiano. E não me refiro as perdas no universo cultural. São todas as perdas. Sem exceção. Será assim até o fim dos dias.

Joe Cocker vem lá dos anos sessenta, dos quais já me confessei refém. Sua voz rasgando o blues ou transformando em blues um rock certeiro como foi o sublime “With a little help from my friends” na voz quase desaparecida de Ringo Starr no emblemático Sgt. Pepper´s Lonely Club Band (1967), deixando o beatle na saudade, é algo inesquecível. Jamais será repetido, creio que nem ele mesmo conseguiu. Assim como Richie Havens gravou um disco brilhante somente com canções dos Beatles e Bob Dylan, Cocker mesclava os compositores em seu repertório. O cantor inglês de Sheffield no mesmo festival de Woodstock, nos discos lançados não faz tanto tempo das apresentações solo, está lá uma deslumbrante “Just like a woman”. Ele foi (e continuará sendo) dilacerante em suas canções. Até as baladas como “You are so beautiful” ganham uma dramaticidade ímpar. Soube como ninguém acelerar os corações, estremecer as almas, vibrar os corpos, energizar a vida, fazer da música sua corrente sanguínea.

JoeCocker03

Já próximo do seu fim, ainda magnetizava. mesmo com a voz repousando tantas vezes seja pelo cansaço seja pelo excesso do que viveu com intensidade, Joe, nascido John Robert Cocker, sabia como ninguém eletrificar a plateia. Quase confessional, eu escuto o disco ao vivo 1990 e permito que a suave saudade se instale não para amenizar a dor mas para também celebrar Joe Cocker. Valeu, Joe! Por tudo, pelos sonhos realizados, pela realidade também sonhada.

www.youtube.com/watch?v=POaaw_x7gvQ

www.youtube.com/watch?v=Tpz1Rsiw0AU

www.youtube.com/watch?v=wlDmslyGmGI

Fotos: http://www.inthestudio.net

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s