Música argentina: o violão de Ciro Pérez

Abril abre suas portas e já em dias bem alentados acolhe texto generoso do violonista e jornalista argentino Marcelo Fébula, que todos os meses bate ponto neste espaço. Ao amigo do Prata de Buenos Aires, sempre presente, o abraço e o muito obrigado deste lado do Guaíba de Porto Alegre.
Ciro Perez y Vidal Rojas
Ciro Pérez
 
     Às vezes os músicos alcançam grandes objetivos profissionais no inicio de sua carreira. Alguns deles ficam ai, detenidos, com prestigio e dinheiro assegurados e sim vontade arriscar nada artística ou economicamente. Mas outros continuam o caminho, pensando sua realidade só como uma instância, e não como um ponto final.
     Um exemplo notável é o de Astor Piazzolla. Sendo quase um menino alcançou um objetivo “de máxima” que outros músicos poderiam demorar toda uma vida em conseguir: ser integrante de uma das orquestras de tango mais populares e com mais qualidade: a de Aníbal Troilo (e não um simples integrante, pois também era capaz de suplantar ao primeiro bandoneón do diretor e fazer arranjos orquestrais). Porém, o Astor um dia considerou que sua etapa dentro da orquestra estava finalizada, e buscou novos horizontes.
     Salvando as distancias, o caso do violonista uruguaio Ciro Pérez é o mesmo. Havendo alcançado o posto de primeiro violão no quarteto que acompanhava ao gigante Alfredo Zitarrosa, um dia deixou aquele espaço extraordinário e cruzou o Rio de la Plata para tocar com o Mestre Roberto Grela, figura fundamental do tango, ponto de referencia obrigatório no violão da música popular argentina.
Mas tampouco esse espaço foi seu “objetivo de máxima”. Depois de integrar um tempo os conjuntos de Grela e registrar um disco antológico (dez gravações em duo de violãos com ele), colocou a proa em direção a Europa, terra onde reside há muitos anos.
     Dentro dos muitos trabalhos e projetos desarrolhados no velho continente, aqui uma pequena mostra da mestria do grande Ciro Pérez. Neste caso, tocando tango junto ao bandoneonista William Sabatier e o violonista Norberto Pedreira
Por Marcelo Fébula
Foto: Capturada na Internet

 

Anúncios

2 Respostas para “Música argentina: o violão de Ciro Pérez

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s